Existe uma razão racional para aguardar a data de lançamento para baixar, instalar ou atualizar para a próxima versão do Ubuntu?

21

Hoje, 6 de outubro de 2010, o Ubuntu 10.10 está em Congelamento de Definição de Recurso , Congelamento de importação do Debian , Congelamento de recursos , Congelar a Interface do Usuário , Congelar Beta , Documentation String Freeze , Final Freeze , Kernel Freeze e depois do Translation Deadlines no pacote sem idioma e edições do pacote de idiomas como o calendário de lançamento detalhes.

Basicamente, exceto por correções de última hora, a versão do Ubuntu 10.10 que você pode baixar hoje é idêntica à versão do Ubuntu 10.10 que você pode baixar no dia 10 quando for lançado.

Se você baixou e instalou o Ubuntu 10.10 hoje , você faria:

  • ajude a encontrar problemas para a correção de última hora
  • ajude a custear a carga da rede em 10 de outubro
  • veja o Ubuntu 10.10 em ação sem esperar

Esses soam como argumentos bastante strongs ... para mim, e de fato eu tenho usado o Ubuntu 10.10 por um mês agora aproximadamente. No entanto, a maioria das pessoas prefere dar o salto com todo mundo no dia do lançamento.

Quais são as razões racionais para isso?

    
por badp 06.10.2010 / 17:12
fonte

5 respostas

20

Se você precisar de um ambiente de trabalho super estável, recomendo esperar até que as primeiras atualizações de versão estável (SRUs) estejam disponíveis. Isso geralmente acontece dentro de alguns dias após o lançamento oficial. Como as versões não-LTS tendem a ter mais aprimoramentos progressivos e novos recursos, elas podem conter bugs que se infiltraram após o teste inicial.

Além disso, aguardar pelo lançamento oficial dá a chance de aproveitar a crescente agitação e agitação dentro da comunidade (se você usar o irc, o Twitter ou o identi.ca, você saberá o que quero dizer):)

    
por Mat Tomaszewski 06.10.2010 / 18:26
fonte
4

Se você usa um computador para trabalhar, qualquer bug ainda pode afetá-lo (seriamente ou apenas fazer com que você perca algum tempo), então você pode querer uma abordagem conservadora e atualizar quando a nova versão for oficialmente lançada e os primeiros "novos bugs de lançamento" foram eliminados.

Por outro lado, se você tiver tempo e habilidade em mãos, é muito bem-vindo para instalar o Ubuntu de pré-lançamento e ajudar os desenvolvedores, informando quaisquer erros que você encontrar.

No final, eu acho que se resume a quanto tempo você pode gastar com o novo Ubuntu brilhante: -)

    
por Riccardo Murri 06.10.2010 / 17:29
fonte
2

Meu nome é msw e sou um viciado em atualização.

Ok, agora que isso está fora do caminho, para as instalações que fiz nas máquinas dos amigos que "querem apenas que as coisas funcionem", não há nenhuma razão para deixar o Lucid "Long Term Support". Eles não se importam com as mudanças que serão, na maioria das vezes, invisíveis para eles e eles continuam atualizando como update-manager instrui, então eu os considero "atuais". Eu também substitui o plano de fundo Lucid "porquinho-da-índia" / padrão, então o defeito mais gritante do Lucid já se foi;)

Para máquinas baunilha como a minha, eu encontrei um único defeito desde o Beta 1, e ele foi consertado no dia seguinte à minha denúncia (não por causa do meu relatório, ele já havia sido descoberto). Ajudar a custear a carga de rede no M-Day é um bom motivo. É lamentável que dist-upgrade não lide com torrents - ou até mesmo tire uma ideia da Blizzard - comece a torrentar a maioria dos bits com uma semana de antecedência e com baixa prioridade.

Por outro lado, como a granularidade de uma atualização Debian / Ubuntu é um pacote, até mesmo uma mudança de byte induz uma ou mais atualizações de pacotes; dist-upgrade é a largura de banda e o armazenamento pesado e pré-carregar para aqueles que não sabem o que é um Meerkat seria um desperdício.

    
por msw 06.10.2010 / 17:32
fonte
2

A melhor razão para instalar a versão de lançamento é simplesmente o que todo mundo está fazendo.

Há valor em estar no mesmo barco que um grande número de outras pessoas. Os problemas que você tem são prováveis ​​de serem experimentados por outras pessoas, o que aumenta a probabilidade de você poder ajudar uns aos outros e encontrar uma solução. Esta é uma das principais vantagens que o Ubuntu tem sobre outras distribuições hoje em dia.

OK, não haverá muita diferença real entre um novo Maverick de versão de lançamento e outro que foi instalado da versão Beta e atualizado para o Release. Mas você sempre foi um pouco inseguro. Um ano depois, quando você tenta fazer um dist-upgrade e as dependências ficarem presas, isso aconteceu porque você escolheu uma combinação de pacotes ou instalou um driver durante a fase Beta que ficou em um estado estranho quando o Release os atualizou? Você tem um monte de configurações estranhas que ninguém faz porque você instalou antes que o Release as alterasse? e assim por diante.

    
por bobince 08.10.2010 / 23:51
fonte
1

Eu tenho usado o 10.10 desde que ele atingiu o beta, como eu faço para a maioria dos lançamentos do Ubuntu. Com todos os sinos e assobios habilitados (Compiz, Nvidia drivers, etc) eu não tive praticamente nenhum problema. Os únicos problemas que encontrei foram meses atrás e eram menores. Lucid era outra história, mas se você quiser 10,10 e vai atualizar de qualquer maneira (a versão para desktop de casa é a única que eu posso falar) eu digo: vá em frente!

    
por Deadite81 06.10.2010 / 19:04
fonte

Tags